Promoção Imobiliária

Taga-Urbanic segue plano de investimento de €100M

Ana Tavares |
Taga-Urbanic segue plano de investimento de €100M

O grupo israelita Taga-Urbanic está a desenvolver uma série de projetos em Portugal, que somam um investimento de 100 milhões de euros, a executar até 2023, altura em que quer somar um portfólio de 700 apartamentos reabilitados. O Porto concentra a maior parte do investimento.

Conforme noticiou a VI, a Taga-Urbanic chegou a Portugal, e ao Porto, em 2018, através da Real Estate Boutique. Começou por investir cerca de 8,5 milhões de euros na reabilitação de 4 edifícios na Praça da República, na rua 31 de Janeiro e na rua do Bonjardim.

Este foi apenas o início deste conjunto de investimentos que o grupo está a desenvolver em Portugal. Há menos de um ano, já tinha fechado mais de 10 aquisições, entre terrenos e imóveis para construir e reabilitar. Entre os mesmos, destaca-se o projeto João das Regras, localizado na rua com o mesmo nome e que será composto por dois volumes edificados com 44 estúdios T0, com áreas entre os 26 e os 30 m², e dois T1 com áreas entre os 33 e os 55 m², apoiados por vários espaços e equipamentos comuns ao condomínio, como uma grande sala de estar, espaço de lavandaria, espaço exterior e um espaço técnico de arrecadação.

Já o Paraíso 49 está a ser desenvolvido na rua com o mesmo nome, tratando-se de um edifício multifamiliar com 8 pisos, incluindo três subterrâneos, com um total de 18 apartamentos T0 a T3. Os dois projetos estão a cargo da Gabriel Couto.

Esta semana, veio a público a conclusão da compra do edifício de escritórios Fernando Tomás 352, no Porto, à Ageas Portugal, por cerca de 11 milhões de euros. Apesar de estar atualmente afeto aos usos de escritórios e retalho, o imóvel «poderá no futuro passar por uma reconversão de foro residencial», avançou a seguradora no seu comunicado.