Centros Comerciais

Sierra Prime nasce para investir em centros comerciais prime na Ibéria

Vanessa Sousa |
Sierra Prime nasce para investir em centros comerciais prime na Ibéria

Em causa estão 4 ativos localizados em Portugal nos quais a nova joint venture possui diferentes participações. Com controlo de 50% detém o Centro Colombo, o Centro Vasco da Gama, na grande Lisboa, e o NorteShopping no grande Porto. O CascaiShopping é outro ativo integrado no seu portfólio, do qual possui controlo total.

Os outros dois centros comerciais localizam-se em Espanha, na cidade de Málaga, e também nestes a jovem Sierra Prime possui diferentes partes: 100% na Plaza Mayor e 50% no McArthurGlen Designer Outlet Málaga. Isto quer dizer, que numa base proporcional, a Sierra Prime controla 1.800 milhões de euros do valor bruto deste portfólio de ativos, que ascende aos 3.000 milhões. De acordo com o comunicado das empresas que avançou a notícia, a gestão destes ativos continuará a ser assegurada pela Sonae Sierra.

A Sierra Prime será participada em partes iguais por cada investidor – tendo, portanto, cada um a representação na mesma de 25%. Mas antes, a seguradora Allianz e a Elo, uma empresa de seguros de pensões, deverão adquirir uma participação de 25% cada à Sonae Sierra e à APG que, juntas, detém esta carteira através do Sierra Fund. Esta transação representará um encaixe financeiro de cerca de 525 milhões de euros para ambas as empresas.

«Esta é uma transação histórica para o mercado de imobiliário de retalho na Ibéria e para a Sonae Sierra. Estamos muito satisfeitos por dar continuidade à nossa bem-sucedida parceria de longa duração com a APG, e, simultaneamente, entusiasmados por dar as boas-vindas à Allianz e Elo ao Sierra Prime», comenta Fernando Guedes de Oliveira, CEO da Sonae Sierra, na nota de imprensa.

Robert-Jan Foortse, responsável da APG European Property Investments, confessa estar «muito satisfeito» com esta nova parceira, que deverá «ajudar no desenvolvimento e crescimento destes ativos prime».

O responsável pelos investimentos indiretos da Allianz Real Estate Jerome Berenz diz estar igualmente «muito satisfeito em construir uma relação com a APG, Sonae Sierra e Elo, com quem partilhamos uma visão estratégica de longo prazo e com o foco em ativos prime».

Para o diretor da Elo Timo Stenius, «a joint venture Sierra Prime enquadra-se na estratégia de investimento e portfolio de imobiliário da Elo. Estamos muito satisfeitos por concretizar o nosso primeiro investimento em imobiliário no mercado ibérico, em conjunto com investidores institucionais de referência».

Nesta operação, a Sonae Sierra e a APG foram assessoradas pela Morgan Stanley, com a co-assessoria do Banco Santander Totta e a sociedade de advogados Freshfields Bruckhaus Deringer LLP. Por sua vez, a Allianz e a Elo contaram com o apoio da sociedade de advogados Uría Menéndez e, em matérias de direito holandês, pela De Brauw.

 

Saiba mais sobre a Sonae Sierra, a Elo , a Allianz e a APG.