Sustentabilidade

Belas Clube de Campo lança Relatório de Sustentabilidade e Resiliência

Ana Tavares |
Belas Clube de Campo lança Relatório de Sustentabilidade e Resiliência

O André Jordan Group procura incorporar a sustentabilidade e resiliência no desenvolvimento de todos os seus empreendimentos, desde a Quinta do Lago, Vilamoura XXI, ao Belas Clube de Campo. Gilberto Jordan, CEO do grupo, comenta que «hoje mais do que nunca a sustentabilidade e o meio ambiente assumem uma maior relevância e a pandemia que estamos a passar vai fazer com que as pessoas olhem para o mundo de uma forma diferente. O tema vai ganhar dimensão, e a consciência do impacto ambiental será inerente às nossas escolhas, sobretudo no momento de comprar casa». E completa que «esta é a mudança de paradigma necessária para uma melhor qualidade de vida e um mundo melhor e que está no ADN do André Jordan Group».

Entre os parâmetros refletidos no empreendimento e analisados neste relatório estão a integração local e paisagística, a arquitetura, a eficiência hídrica, a gestão eficiente dos consumos energéticos, os resíduos e ruído, o conforto ambiental (qualidade do ar, conforto térmico, e iluminação), as vivências socioeconómicas (controle de riscos naturais, controle de ameaças humanas, mobilidade, controle e segurança) a escolha de materiais e utilização de materiais locais.

Gilberto Jordan nova ainda que «a procura constante por soluções inovadoras, que respeitem o meio ambiente e que permitam criar ambientes mais sustentáveis, fez do Belas Clube de Campo uma referência incontornável e um case-study do Imobiliário Residencial. A sustentabilidade faz parte do nosso ADN e está refletida em tudo o que fazemos».

Lembra que «fomos o primeiro empreendimento residencial, a nível internacional a possuir toda a sua cadeia de valor certificada de acordo com a ISO 9001 e ISO 14001 e, têm sido muitas as distinções e certificações, algumas delas inéditas, que muito nos orgulham. Recentemente apresentámos as casas mais sustentáveis de Portugal e as primeiras a atingir valores de certificação Nearly Zero Energy Building (NZEB). Fomos ainda primeira entidade a ser distinguida pela ADENE, com o AQUA+, o novo índice de eficiência hídrica dos edifícios e a inédita certificação pela norma de Resiliência às alterações climáticas pelo Sistema LiderA, obtendo um grau elevado de resiliência (Classe A)».

«A nossa estratégia está em linha com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas para 2030, e é com muito orgulho que hoje somos considerados o empreendimento mais sustentável de Portugal e uma referência a nível mundial», conclui Gilberto Jordan.