Algarve

Cresce o número de reservas no Algarve e no Alentejo

Ana Tavares |
Cresce o número de reservas no Algarve e no Alentejo

A tendência foi confirmada pelos responsáveis destas regiões de turismo, António Ceia da Silva e João Fernandes, respetivamente, ao Diário de Notícias esta semana, segundo os quais já se começaram a fazer estas reservas de verão. A subida é ligeira, no entanto, e está ainda longe dos números registados em períodos semelhantes, fora do contexto da pandemia da Covid-19.

«As pessoas estão fartas de estar em casa e querem vir passar uns dias para o Alentejo já a partir de junho», refere o líder da região de Turismo do Alentejo e Ribatejo.

Para João Fernandes, a tendência pode ser explicada com a «expetativa de que os estados de emergência não se prolonguem. É um sinal de esperança, mas não terá qualquer semelhança com um ano normal. Pelo que é natural que haja alguma recuperação, mas não é uma retoma para recuperar o que já se perdeu».

Garante que os operadores da região «estão empenhados em garantir as condições de segurança para o setor, que passam muito pela aplicação do selo Clean and Safe», criado pelo Turismo de Portugal: «É um manual bastante detalhado e essencial para que estejamos preparados para acolher todos com segurança. Estamos a trabalhar com todas as autoridades públicas para ter as entidades licenciadas de forma a não se desperdiçar o capital que já foi conquistador».