Colocação de escritórios mais que duplica em abril

Ana Tavares |
Colocação de escritórios mais que duplica em abril

 

No total, neste mês foram colocados 21.020 m², que comparam com os 9.949 m² do ano passado. No acumulado desde janeiro, foram contratados 61.360 m² de escritórios, mais 14% que em igual período do ano passado.

Teresa Cachada, analista do departamento de Consultoria da Savills Aguirre Newman, comenta que «o segundo trimestre do ano arranca com valores bastante positivos, a contrastar com os meses anteriores que haviam ficado aquém do verificado no início de 2017. Neste mês com grande destaque a expansão da Teleperformance que acaba de contratar mais 8.000 m² na zona do Parque das Nações, num edifício que sofreu remodelações para receber a empresa».

E completa que «o nosso mercado nos últimos anos tem sido marcado pela presença de empresas de Serviços Partilhados. Estas têm sido fortes impulsionadoras do mercado de escritórios e responsáveis pelas principais áreas contratadas».

Até abril, foram registadas 74 operações, menos 12 que em igual período do ano passado. O Corredor Oeste foi a zona mais ativa, com 21 transações fechadas, por oposição à Zona Secundária, sem qualquer negócio. Na Zona Emergente foi colocada mais área, um total de 13.147 m², representando 21% do total.

A superfície média contratada aumentou 33% de 623 m² para 829 m² no acumulado deste ano. Toda a área diz respeito a edifícios usados.