Uma nova praça de Espanha até ao final do ano

Ana Tavares |
Uma nova praça de Espanha até ao final do ano

Até ao final do ano, esta zona da cidade terá menos automóveis e mais árvores. «Toda esta zona vai ser transformada num enorme parque verde será uma das obras mais importantes ao longo deste ano, ano em que Lisboa é a capital verde europeia», afirmou Fernando Medina, presidente da Câmara Municipal de Lisboa.

O Parque Urbano da Praça de Espanha deverá somar mais de 6 hectares, em articulação com os Jardins da Gulbenkian e com o Corredor Verde de Monsanto, que vão incluir ciclovias e novas ligações pedonais entre a Fundação Calouste Gulbenkian e Sete Rios. Esta área é maior que o Jardim da Estrela.   

A transformação vai significar transtornos para a circulação automóvel durante a construção, mas Fernando Medina assegura que «vai valer a pena», cita a Antena 1 já que «vai melhorar as vias principais», como as avenidas de Berna, Calouste Gulbenkian, António Augusto Aguiar e dos Combatentes, que passam a estar diretamente ligadas.