Hotelar reabilita primeira fábrica de fiação do país

Ana Tavares |
Hotelar reabilita primeira fábrica de fiação do país

 

O projeto vai ocupar mais de um terço do espaço da velha fábrica do Vale do Ave, assinado pelo gabinete Ad Quadratum Arquitetos. A ideia é privilegiar a preservação e valorização da relevância histórica e arquitetónica do complexo, que integra a Rota do Património Industrial.

Aqui vai ser instalado o novo centro de logística e distribuição (escritórios, matéria-prima, produto acabado e produção) da empresa portuguesa, num total de 37.000 m² de terreno, 22.000 m² área coberta distribuída por 2 pisos.

Pode ler-se em comunicado de imprensa que «a proposta do projeto acomoda o organigrama industrial e de armazenagem de uma ‘nova’ têxtil, orientada e sensível à preservação patrimonial, como valor de cultura e como suporte a novas práticas industriais assentes em tecnologias de ponta, sustentáveis e adequadas à preservação e valorização do relevante ‘contendor’ edificado onde se instalará».

«A fábrica constitui uma referência incontornável na memória coletiva de Santo Tirso e um espaço fundamental na compreensão do desenvolvimento da região e da indústria: um complexo de grande relevância arquitetónica e histórica no âmbito da arqueologia industrial», pode ainda ler-se.