Braga

Braga apresenta a segunda edição do Prémio Municipal de Reabilitação Urbana

Fernanda Cerqueira |
Braga apresenta a segunda edição do Prémio Municipal de Reabilitação Urbana

 

Depois de uma edição de arranque de grande sucesso, em 2018, o prémio bienal ‘Reabilita Braga’ está de regresso em 2020 para premiar o melhor da reabilitação urbana.

Organizado pela Câmara Municipal de Braga, e a que se associa a Vida Imobiliária, o prémio Reabilita Braga divide-se nas categorias de ‘Edificação’ e de ‘Investigação.

A categoria ‘Edificação’ encontra-se subdividida em duas modalidades: Obra de construção – as obras de criação de novas edificações inserida em Área de Reabilitação Urbana legalmente constituída; e obra de restauro e de reabilitação – considerada como intervenção em espaço público e/ou em edifícios, localizada no território municipal, que respeite as características arquitetónicas e patrimoniais da estrutura pré-existente e valorize a sua história e identidade.

A categoria de ‘Investigação’ inclui trabalhos académicos (teses de mestrado, doutoramento e “papers”), desenvolvidos em universidades portuguesas sobre temas da reabilitação urbana e cujo objeto de estudo seja (ou esteja localizado) no Concelho de Braga.

Até 4 de setembro os promotores, as equipas de engenharia e de arquitetura ou os proprietários, que tenham realizado intervenções de reabilitação urbana concluídos nos dois anos civis anteriores ao da realização do Prémio, podem submeter a candidatura ao galardão.

Os prémios têm o valor de 5.000 euros para a categoria de ‘Investigação’. Na categoria de edificação o júri atribuirá prémios no valor de 5.000, no caso da subcategoria nova edificação, e de 10.000 euros, para a subcategoria reabilitação e restauro.

O regulamento, o calendário, o formulário de inscrição e demais informações podem ser consultadas no site oficial da iniciativa.