Construção

Vanguard Properties vence 4 “Prémios SIL do Imobiliário”

Ana Tavares |
Vanguard Properties vence 4 “Prémios SIL do Imobiliário”

A promotora foi distinguida com os empreendimentos Castilho 203, que venceu nas categorias “Melhor Empreendimento Imobiliário na Categoria Habitação” e “Melhor Reabilitação Urbana na Categoria Habitação”, e com o White Shell, distinguido nas categorias de “Melhor Empreendimento Imobiliário na Categoria Turismo” e “Melhor Construção Sustentável e Eficiência Energética”

O edifício Castilho 203, na rua com o mesmo nome em Lisboa, inclui 19 apartamentos (City Flats e Sky Flats) de tipologia T2, T3 e uma Penthouse, distribuídos por 14 pisos acima do solo. Tem ainda um rooftop panorâmico com 260 m², piscina coberta, piscina exterior, spa/ginásio, sala de cinema, receção e serviços de concierge. O projeto de arquitetura é assinado pela ARX Arquitetos.

José Cardoso Botelho, CEO da Vanguard Properties, afirmou na cerimónia que «este foi um projeto muito desafiante nomeadamente ao nível da reabilitação. O projeto de engenharia foi de uma complexidade extrema», destaca.

O resort de luxo White Shell, em Porches, no Algarve, a 400 metros da praia da Senhora da Rocha, é composto por 55 villas e apartamentos de várias tipologias, assinados pelo atelier Saraiva+Associados. O empreendimento certificado BREEAM® tem facilities como piscina aquecida coberta com spa, áreas verdes para lazer e desporto, cafetaria, ginásio, jardim didático, bar com esplanada, campo multiusos ou campo de paddle.

José Cardoso Botelho considera que «este projeto foi muito interessante. Foi difícil, pois aproveita um projeto já bastante antigo, e é com particular satisfação que recebo este prémio em nome de toda a equipa». 

O projeto do Bairro Alto Hotel, do Grupo Casais, foi distinguido na categoria de “Melhor Empreendimento de Reabilitação Urbana – Turismo”. Paulo Carapuça, administrador do Grupo Casais, comenta que «o reconhecimento deste premio é também das equipas, do arquiteto Eduardo souto moura, das pessoas que fazem acontecer as coisas no dia-a-dia. Foi um grande desafio de reabilitação urbana».

Na categoria “Melhor empreendimento imobiliário Comércio Serviços & Logística” venceu o projeto “Escola de Todos Nós”, que reabilitou o infantário de Midões, em Tábua. Para Diogo Ferreira de Andrade, da Conceito Arquitetos, «é com muita honra e orgulho que recebemos este prémio. O SIL foi também catalisador deste projeto, começou tudo num almoço do SIL que tivemos com a APPII. Esta escola tinha ardido completamente, e nesse almoço constituímos essa equipa para este projeto», comentou na cerimónia.

A Câmara Municipal de Lisboa foi também distinguida nos Prémios SIL do Imobiliário na categoria de “Melhor Projeto de Reabilitação Urbana – Espaço Público”, com o projeto do Parque Ribeirinho Oriente.

A decisão da Fundação AIP e do Conselho Estratégico do SIL, que atribui os Prémios SIL do Imobiliário, foi unânime na atribuição dos prémios. Os critérios de avaliação do júri incluem a qualidade arquitetónica, o conteúdo conceptual e o contributo dos projetos em termos de inovação, urbanismo, arquitetura, estrutura, construção, economia energética, integração urbana e paisagística e qualidades técnicas e construtivas, entre outros.