Construção

Novos licenciamentos descem 10,6% até maio

Ana Tavares |
Novos licenciamentos descem 10,6% até maio

No mesmo período, o licenciamento de novos fogos em construções novas registou uma descida de 6% em termos homólogos, num total de 9.404 habitações, mostra a Síntese Estatística da Habitação da AICCOPN agora publicada.

Nestes 5 meses, o novo crédito à habitação concedido pelas instituições financeiras subiu 9,6% face a igual período de 2019, para um total de 4.471 milhões de euros. Só o mês de maio registou uma variação negativa, de 14,6% face ao ano passado.

Já o valor mediano de avaliação bancária da habitação, para efeitos de concessão de crédito, fixou-se nos 1.114 euros/m² em maio, mais 8,9% face aos 1.023 euros apurados em maio de 2019.

Até maio, nota também para o facto de que o consumo de cimento cresceu 6,4%, num total de 1,43 milhões de toneladas

Fogos licenciados aumentam 3,7% no Alentejo

No boletim agora publicado, a AICCOPN coloca o Alentejo como Região em Destaque, dando nota de que o número de fogos licenciados em construções novas na região, nos 12 meses terminados em maio, totalizou os 943, mais 3,7% que no ano passado.

Destes, 52% são de tipologia T3, 24% de tipologia T4 ou superior e 16% de tipologia T2.

Nesta região, os valores medianos de habitação bancária atingiram os 827 euros em maio, mais 2,5% em termos homólogos.