Merlin vai cotar em bolsa a 15 de janeiro (atual.)

Ana Tavares |
Merlin vai cotar em bolsa a 15 de janeiro (atual.)

A intenção foi avançada há alguns meses, mas agora é dada uma data concreta, depois de 4 anos de atividade da socimi espanhola em Portugal. A espanhola CNMV já foi informada que a Euronext Lisbon decidiu admitir a cotação e negociação no mercado regulado da Euronext em Lisboa as ações representativas do capital social da Merlin, mediante o procedimento de cotação direta.

À VI, João Cristina, responsável da Merlin Properties em Portugal, explica que Portugal «é um dos mercados core» da socimi, pelo que «com a entrada da ação na bolsa de Lisboa, tencionamos fortalecer ainda mais a nossa presença no país e sinalizar o valor estratégico que Portugal tem para a empresa». 

«Nunca escondemos a importância que o mercado tem para nós e, com este passo, esperamos aumentar a visibilidade, reputação e o reconhecimento da nossa marca no país.  Além do mais, permitirá aos investidores portugueses, um acesso mais direto a uma das maiores empresas imobiliárias europeias, especializada na aquisição e gestão de imobiliário comercial core e core-plus», avança ainda o responsável. 

Atualmente, os ativos detidos pela Merlin em Portugal representam perto de 10% da carteira da socimi, percentagem que quer aumentar. Só em 2019 fez três grandes aquisições no nosso país, no valor de 125 milhões de euros, entre as quais a compra da sede da Nestlé, do edifício Art’s e da Torre Fernão de Magalhães, em Lisboa.

 

 

Atualização às 12h30