Merlin pretende «consolidar a sua posição prime» em Portugal

Vanessa Sousa |
Merlin pretende «consolidar a sua posição prime» em Portugal

A informação foi avançada pelo relatório mais recente da empresa intitulado “Capital Markets Day 2019”, que foi disponibilizado esta quinta-feira pela Comisión Nacional del Mercado de Valores. O mesmo documento revela ainda que a possibilidade de Merlin explorar o novo regime REIT português – as denominadas Sociedades de Investimento e Gestão Imobiliária (SIGI) - continua em cima da mesa.

A «forte performance» do mercado português não tem ficado indiferente a Merlin, que só este ano já protagonizou 3 aquisições em Portugal no valor de 125 milhões de euros. Uma delas diz respeito à sede da Nestlé, localizada em Lisboa, que lhe custou cerca 12.5 milhões de euros. E as outras duas referem-se aos edifícios de escritórios o Art’s e a Torre Fernão de Magalhães – ambos localizados em Lisboa –, que lhe valeram 112.2 milhões de euros.

Já são 9 edifícios de escritórios localizado em território português que fazem hoje parte da carteira de Merlin - juntos representam 112,569 sqm de superfície. A este portfólio somam-se 2 shoppings centres (o Almada e o Monumental) e ainda um parque logístico com 224,874 sqm.

Merlin Properties gere hoje – entre Portugal e Espanha - uma carteira de ativos avaliada em 12.300 milhões de euros, sendo que a quota lusa deste valor ronda apenas os 9%.