Maior BTL “de sempre” decorre até dia 17

Ana Tavares |
Maior BTL “de sempre” decorre até dia 17

Fátima Vila Maior, diretora da feira, explica à Lusa que a BTL volta a ter este ano «os 4 pavilhões da feira. E, por isso, estamos muito contentes. Os grandes crescimentos [de presença na feira] tiveram a ver com setores, nomeadamente, como a promoção do território, mais empresas de animação, mais câmaras municipais e entidades promotoras de turismo das várias regiões. [Há] outros segmentos que não tínhamos trabalhado, nomeadamente, o segmento BTL Cultural - que é uma estreia -, e o BTL Lab, que tem a ver com novos formatos ao nível do setor do turismo onde estão enquadrados toda a parte do digital e que introduzimos pela primeira no ano passado, e que este ano também duplicou de área», cita o Negócios.

E conclui que «é para nós muito gratificante, ao fim de vários anos, termos uma BTL que, não só superou as nossas expectativas de aquisição, como é a maior BTL de sempre».

A organização espera receber cerca de 70.000 visitantes durante estes dias, mas admite que o valor possa ser ultrapassado.

 

Seixal é município convidado

Este ano, o Seixal é o município convidado da BTL, e vai aproveitar o certame para promover o Hotel Mundet, que vai nascer na antiga fábrica corticeira com o mesmo nome. O grupo Libertas venceu a hasta pública para a concretização desta obra.

O novo hotel deverá implicar um investimento de cerca de 7,5 milhões de euros, e vai ser oficialmente apresentado esta quinta feira.

A autarquia vai também apresentar outros projetos que está a desenvolver no âmbito da promoção do turismo, como a requalificação da Baía do Seixal, que incluem o Hotel da Quinta da Trindade, o Porto de Recreio do Seixal – Hotel Largo dos Restauradores, o Eco Resort do Seixal na restinga da Ponta dos Corvos ou o Hotel e Porto de Recreio de Amora, segundo o Publituris.