Angola

Luanda “tomba” no ranking das cidades mais caras para expatriados

Ana Tavares |
Luanda “tomba” no ranking das cidades mais caras para expatriados

Depois de liderar a lista em 2017, Luanda desceu da 26ª posição que ocupava em 2019 para a 115ª em 2020.

Tiago Borges, Rewards Leader da Mercer Portugal, explica ao Negócios que a forte desvalorização do kwanza tornou a cidade mais acessível para os expatriados, e foi esse o fator que mais contribuiu para a descida de posição.

Nesta lista, dominam as cidades asiáticas, no que toca ao custo de vida, com Hong Kong a liderar, tal como em 2019. É seguida por Asgabate, no Turquemennistão, que subiu 5 posições face ao ano anterior. Segue-se Tóquio, em 3º lugar.

No top 10 figuram também Singapura (5º), Nova Iorque (6º), Xangai (7º) e Pequim (10º). A Suíça integra três cidades, nomeadamente Zurique, em 4º lugar, Berna, em 8º e Genebra, em 9º.