Crédito

Euribor a seis meses supera barreira dos 1%

Felipe Ribeiro |
Euribor a seis meses supera barreira dos 1%

Foram atingidos novos máximos nas taxas Euribor esta segunda-feira, com destaque para a subida da taxa Euribor a seis meses para 1,077%, que superou pela primeira vez, em mais de dez anos, a barreira dos 1%.

A taxa mais utilizada em Portugal nos créditos à habitação tinha entrado em terreno positivo a 6 de junho. A média da Euribor a seis meses subiu de 0,162% em junho para 0,466% em julho.

Pela nono dia consecutivo, o prazo a três meses assinalou um novo máximo, 0,542%, mais 0,040 pontos que os 0,542% de sexta-feira. A média da Euribor a três meses subiu de -0,239% em junho para 0,037% em julho.

No que diz respeito ao prazo de 12 meses, a Euribor subiu esta segunda-feira para 1,612%, face aos 1,482% verificados na sexta-feira. A média da Euribor a 12 meses sofreu um acréscimo de 0,852% em junho para 0,992% em julho.