Construção

Custos de construção de habitação nova sobem 1,7%

Ana Tavares |
Custos de construção de habitação nova sobem 1,7%

De acordo com os últimos números do INE, o Índice de Custos de Construção de Habitação Nova foi impulsionado por um aumento de 1,3% no preço dos materiais, idêntico ao registado em outubro. Este indicador tem registado oscilações de comportamento nos últimos meses, mantendo-se abaixo do pico de janeiro de 2020, antes do impacto da pandemia no setor.

O custo da mão-de-obra subiu 2,3% em novembro, menos que os 3,8% do mês anterior. Depois de uma quebra abrupta em março e abril de 2020, este indicador vinha a subir até agosto, quando o agregado atingiu os 2,6%, e tem vindo a descer desde então.

O Índice de Custos de Construção de Habitação Nova registou uma variação mensal de 0,6% em novembro. Nessa comparação, o custo dos materiais aumentou 0,4% e a mão-de-obra 0,8%.