CBRE e Altamira assessoram venda do Malhoa 22

Ana Tavares |
CBRE e Altamira assessoram venda do Malhoa 22

 

O edifício situa-se nas imediações da Praça de Espanha. Tem 12 pisso acima do solo e seis inferiores, incluindo mais de 130 lugares de estacionamento, auditório, cafetaria, cofres e arrecadações. Tem uma ABL de 7.200 m².

Para Nuno Nunes, Diretor de Investimento da CBRE, comenta que «o Malhoa 22 é um marco inconfundível pelas suas caraterísticas únicas e uma referência arquitetónica, apresentando-se como uma opção de excelência para empresas que queiram fixar-se num espaço moderno, situado numa avenida que se tem vindo a consolidar de forma rápida no mercado de escritórios de Lisboa, retomando o papel de destaque que possuía nos anos 90».

Por seu turno, Vítor Pacheco, Head of Real Estate na Altamira, acrescenta que «esta transação permitiu à Altamira concretizar 3 objetivos estratégicos: a) consolidar o seu posicionamento na gestão de processos de venda estruturados no sector do “servicing”; b) otimizar e maximizar o valor de alienação de um imóvel para o seu cliente; c) aprofundar o seu conhecimento do mercado imobiliário escolhendo o parceiro certo para assessorar esta operação no segmento de escritórios de Lisboa, numa zona que atrai investidores que reconhecem as potencialidades da Avenida José Malhoa».