NPL

BCP conclui venda da carteira Lucía à LX Partners

Ana Tavares |
BCP conclui venda da carteira Lucía à LX Partners

O Millennium BCP anunciou esta semana a conclusão da venda da carteira de malparado “Projeto Lucía” à LX Partners, em parceria com a Cabot, num valor nominal de 60 milhões de euros e imobiliário avaliado em 50 milhões.

A informação foi dada numa conferência de imprensa da administração do banco, durante a qual o banco avançou que registou uma redução de 543 milhões de euros de Non-Performing Exposure (NPE) em 2021, 485 milhões reduzidos em Portugal, o que dá «continuidade ao sucesso da estratégia de desinvestimento em NPE implementada pelo Banco nos últimos anos», cita o Económico. O rácio de NPE do grupo está agora nos 4,7%.

No que toca aos indicadores de cobertura, o banco registou no último ano uma melhoria generalizada para 68%. Em Portugal, o grau de cobertura de NPE por imparidades aumentou de 63% para 68,5%.

A carteira líquida de imóveis recebidos por recuperação reduziu-se em 32,8% entre dezembro de 2020 e dezembro de 2021.

O valor da carteira de ativos, calculado por avaliadores independentes, situa-se 32% acima do respetivo valor contabilístico.

No ano passado, o BCP vendeu um total de 1.677 imóveis, e o valor de venda excedeu o valor contabilístico em 22 milhões de euros.