Troia Resort lança novo ciclo de vendas a cargo da JLL/Cobertura

Ana Tavares |
Troia Resort lança novo ciclo de vendas a cargo da JLL/Cobertura

Este relançamento abrange várias beach houses, villas e lotes de terreno para construção, nomeadamente os projetos Ácala, Atlantic Villas e Ocean Villas. A expetativa do Troiaresort, segundo explicou João Madeira, diretor geral do empreendimento, é que estas 120 unidades já construídas (50% apartamentos, 50% moradias) se vendam nos próximos 3 a 5 anos.

O responsável falava na apresentação desta nova parceria à imprensa, em Lisboa, explicando que os ativos têm uma rentabilidade garantida de 5%/ano, que pode ser até superior, já que o proprietário pode escolher alugar a casa em várias alturas do ano, ou até o ano todo. Os preços desta fase variam entre os 299.000 euros e os 2,25 milhões de euros.

Nos cerca de 10 anos de atividade do Troia Resort, já foram vendidas 357 unidades de turismo residencial, numa média de 40 casas vendidas por ano. João Madeira recorda que o período em que as vendas foram mais fortes foi mesmo a fase de pré venda, ainda em 2006, quando se venderam cerca de 90 unidades.

Atualmente, 51% dos clientes é portuguesa. Outros 40% são representados pelo mercado do Extremo Oriente, e entre 20% a 25% por destinos Europeus. Não é um destino especialmente apetecido pelos franceses, mais pelo mercado escandinavo, no entanto o Troia Resort esteve representado no Salão do Imobiliário e Turismo Português em Paris no último fim-de-semana e deverá continuar a ser promovido em feiras internacionais. Já o mercado do Médio Oriente pesa cada vez mais, sendo que já foram vendidas casas a 24 nacionalidades diferentes, algumas delas motivadas pelos “golden visa”.

Esta parceria surge numa altura em que «o ano de 2016 foi encarado por nós como o momento ideal para renovarmos a nossa estratégia comercial. Esta renovação assentou em 3 pilares fundamentais: a reformulação de alguns dos produtos imobiliários, nomeadamente do Ocean Village; o reforço da promoção do resort com a entrada no restrito grupo do European Tour Properties; e o estabelecimento de uma nova parceria comercial em que desde logo a opção JLL/Cobertura sobressaiu», explica o responsável do empreendimento da Sonae.«Consideramos assim que estamos preparados para este novo ciclo e contamos com toda a equipa da JLL/Cobertura para assegurar a continuação do sucesso de vendas que tem sido o Troia Resort». Até porque «acreditamos que a assinatura da JLL/Cobertura é importante para nós».

Já Patrícia Barão, Head of Residential da JLL, acredita que «mais do que um empreendimento, o Troia Resort é um destino turístico que está a consolidar-se nacional e internacionalmente. Esta crescente atratividade, conjugada com o facto de os produtos imobiliários terem a possibilidade de gerar um rendimento bastante interessante e ainda com a própria conjuntura económica mais favorável, abrem muito boas perspetivas para a venda de propriedades integradas no resort».

Futuramente, existe ainda espaço para 100 novas frações, já prevstas no masterplan do Troia Resort. No entanto, «enquanto houver stock para escoar», o resort vai focar-se nas vendas do que já está construído, avançou João Madeira. O que é certo é que «Troia está bem e quer continuar bem».