Negócios

Sonae Sierra é a nova proprietária do Atrium Saldanha

Felipe Ribeiro |
Sonae Sierra é a nova proprietária do Atrium Saldanha

A Sonae Sierra adquiriu o controlo exclusivo da Imosal, sociedade que detém o Atrium Saldanha. A empresa passa assim a ser a nova proprietária do edifício de escritórios e loja em Lisboa. A compra da empresa do universo Fibeira, a Imosal, foi comunicado na passada sexta-feira à Autoridade da Concorrência. O grupo Fibeira mantém 20% da nova sociedade resultante do negócio. De recordar que a informação já havia sido apurada pela Vida Imobiliária em dezembro de 2021, como uma operação iminente.

O Atrium Saldanha foi comprado pela Sonae Sierra em sociedade pelo Bankinter, que participou no negócio mediante uma subsidiária do banco, o Bankinter Investment. O negócio está em fase de conclusão, aguarda apenas "luz verde" da Autoridade da Concorrência, que já foi notificada.

«A Autoridade da Concorrência recebeu, a 24 de agosto de 2022, uma notificação de uma operação de concentração de empresas (…). A operação de concentração consiste na aquisição pela Sonae Sierra do controlo exclusivo da Imosal – Imobiliária do Saldanha», de acordo com comunicado, citado pelo Eco.

Embora não seja para já conhecido o valor final envolvido na transacção, segundo foi possível apurar junto de algumas fontes de mercado pela Vida Imobiliária, o edifício terá chegado ao mercado com um asking price superior a 200 milhões de euros. Como avançado em dezembro, a Sierra adquiriria o edifício através da Sociedade de Investimento e Gestão Imobiliária (SIGI) Ores, detida juntamente com o Bankinter.

Inaugurado em 1998, o Atrium combina uma galeria comercial com 59 lojas e nove pisos de escritórios. Localizado em pleno CBD de Lisboa, na Praça Duque de Saldanha, ocupa quase um quarteirão na confluência das avenidas Fontes Pereira de Melo e Casal Ribeiro, somando uma área bruta de construção de 66.000 m², distribuídos por 12 pisos acima do solo e 6 de estacionamento em cave.