Novo Banco decide sobre investimento de 36,2M no terreno das Amoreiras

Ana Tavares |
Novo Banco decide sobre investimento de 36,2M no terreno das Amoreiras

A convocatória foi comunicada à CMVM pela GEF – Gestão de Fundos Imobiliários. Esta é a segunda convocatória para uma assembleia, depois da inicialmente marcada para 10 de outubro, que não chegou a acontecer.

Em causa estão os terrenos entre as avenidas Conselheiro Fernando de Sousa e Duarte Pacheco e as ruas Artilharia 1 e Marquês da Fronteira, onde o Novo Banco deverá instalar a sua futura sede, onde deverão ser construídos habitação e serviços.

Segundo a nota, este aumento de capital deverá ser feito em dinheiro, através da criação de novas unidades de participação. O fundo está atualmente avaliado em 160 milhões de euros, recorda o Idealista.