Residências de estudantes

Grupo Odalys estreia-se em Portugal com residência para estudantes no Porto

Fernanda Cerqueira |
Grupo Odalys estreia-se em Portugal com residência para estudantes no Porto

A Odalys Porto Granjo Centro é da responsabilidade da PROMGRANJO S.A., representante das empresas de origem belga Promiris e Cetim, e do Grupo francês Odalys. Esta residência para estudantes é o primeiro projeto do Grupo Odalys em Portugal.

Composta por 212 quartos, 20 deles com carácter de alojamento turístico, totalmente equipados e mobilados, os espaços estão divididos entre zona de dormir, casa de banho, espaço para refeições com kitchenette e zona de trabalho com ligação a internet de alta velocidade. A residência tem receção e segurança 24h, serviço de limpeza, lavandaria, cafetaria, ginásio, sala de convívio, áreas de coworking e um jardim com 2.000m2.

Em comunicado, Christian Terlinden, managing partner da Promiris, refere que «esta forma de alojamento é predominante no Norte da Europa e acreditamos que gradualmente, irá substituir a opção de alojar estudantes de forma local e sem controle, uma vez que este tipo de residências, construídas por operadores profissionais e internacionais, acabam por garantir o melhor conforto, segurança e apoio aos alunos e aos pais.».

Por seu turno, Laurent Dusollier, CEO do Grupo Odalys, sublinhou que «o Grupo Odalys tem muito gosto em abrir a sua primeira residência Odalys Campus em Portugal, na cidade do Porto. Esta residência para estudantes, para além de responder ao forte crescimento do número de estudantes do ensino superior nacional e internacional no Porto, beneficia de uma localização única num antigo edifício industrial cuidadosamente renovado».

Com efeito, a nova residência de estudantes nasce a partir de um projeto de reabilitação e requalificação da autoria do gabinete de arquitetura Fragmentos. A par das fachadas e chaminés da antiga fábrica, surge um espaço interior completamente transformado e redesenhado, assegurando conforto e bem-estar aos seus residentes.

Localizada a 600 metros da Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, esta residência de estudantes é um investimento cuja importância é reconhecida pelo Município, que se fez representar, na sessão de inauguração, no dia 20 de setembro, por Ricardo Valente, vereador da Economia, Emprego e Empreendedorismo e Pedro Baganha, vereador do Urbanismo e Espaço Público e Pelouro da Habitação da Câmara Municipal do Porto.