“Golden visa” geram investimento de €99,5M em fevereiro

Ana Tavares |
“Golden visa” geram investimento de €99,5M em fevereiro

87,8 milhões de euros foram aplicados na aquisição de bens imóveis, e 11,68 milhões na transferência de capital, mostram os números do SEF. Foram atribuídos 155 vistos, por oposição aos 221 de janeiro, 143 para compra de imóveis (5 das quais para reabilitação urbana), 11 por transferência de capital e 1 pela criação de um mínimo de 10 postos de trabalho.

Desde o início do ano, já foram atribuídos 376 ARIs. Desde o início do programa, o investimento já soma os 2.807 milhões de euros, dos quais 2.530 milhões de euros dizem respeito à aquisição de imobiliário, num total de 4.578 autorizações.

Depois da China, o Brasil é a origem que mais vistos adquire, num total de 319, seguida pela Rússia, com 167, pela África do Sul, com 156 ou pelo Líbano com 88 vistos. Todos estes países investiram através dos “golden visas” em fevereiro.