Fundo finlandês investe €200M no Ombria Resort

Ana Tavares |
Fundo finlandês investe €200M no Ombria Resort

A cerca de 8km de Loulé e com 153 hectares de terreno, o Ombria Resort será um dos maiores empreendimentos turísticos do país a construir nos próximos anos, segundo o Jornal Económico, e vai agora avançar depois de vários anos em suspenso. 

O promotor do projeto é o Grupo Pontos, fundo finlandês de private equity, que fará o investimento com cerca de 60% de capitais próprios. Prevê a criação de 1.000 postos de trabalho diretos e indiretos.

O Ombria Resort vai integrar a primeira unidade hoteleira do americano Viceroy Group em Portugal, com 5 estrelas. Terá também vários apartamentos, moradias em banda e villas para venda, com valores entre os 300.000 e os 2,5 milhões de euros. Clientes provenientes do Norte da Europa, ou motivados pelo regime dos “golden visa”, como China, Rússia, Brasil ou EUA e África do Sul, serão o principal público alvo.

Será equipado com campo de golfe de 18 buracos, várias instalações de lazer e entretenimento como spa, restaurantes, centro de conferências, etc.

Em entrevista à mesma fonte, o CEO do Ombria Resort, Júlio Delgado, realça «o alto nível de compromisso e apoio por parte de todas as entidades relevantes, nacionais e locais, que têm tido um papel muito positivo e ativo nos processos de licenciamento», depois de décadas no papel. Uma das preocupações deste projeto eco-friendly passou por «garantir uma integração perfeita e, ao mesmo tempo, preservar o equilíbrio ambiental existente».

Este responsável acredita que o Ombria Resort poderá mesmo colmatar «uma relativa falta de oferta de novos produtos de luxo» no Algarve, nomeadamente «com um conceito e posicionamento como o nosso. Por outro lado, a procura continua a aumentar, designadamente por parte de compradores de mercados novos ou mercados tradicionais, como por exemplo França, incentivados pela segurança, clima e qualidade de vida nesta região, bem como pelo regime fiscal para Residentes Não Habituais».