Edifício Monumental ganha BPI como inquilino

Ana Tavares |
Edifício Monumental ganha BPI como inquilino

O Banco BPI vai assegurar uma ocupação quase integral da área de escritórios, que ainda continuará com alguns espaços disponíveis nos pisos mais baixos. O banco vai ainda ocupar um espaço comercial numa renovada área comercial do Monumental.

A SOCIMI Merlin é o proprietário do edifício que está a empreender uma profunda renovação, que significa trazer para a atualidade um edifício que já completou mais de 20 anos de vida. Uma nova fachada e a adequação dos lay-outs interiores às atuais exigências são objetivos da Merlin. Conheça tudo sobre a cotada Merlin em Iberian Property AQUI.

O Edifício Monumental vai continuar a ser uma âncora cultural da cidade, com a continuidade dos Cinemas Monumental, salas que são um símbolo do cinema alternativo e de uma oferta cultural distintiva que ao longo das últimas duas décadas celebrizou este espaço. Com espaços renovados e mais dotados de tecnologia, os cinemas do Monumental vão seguir com um seu selo de espaço cultural.

O arrendamento agora assegurado pela Merlin demonstra a escassez de uma oferta qualificada de novos espaços para empresas que precisem de ocupar áreas significativas, em especial nas artérias centrais de Lisboa. Com uma ocupação prevista para o final do primeiro trimestre de 2021, esta será uma ocupação que vai marcar um ano atípico com a presente situação de crise proporcionada pela pandemia do Covid-19. Mesmo sem serem conhecidos valores de transação, face à dinâmica e à pressão da procura, estima a Vida Imobiliária que deveremos estar a falar de valores de arrendamento acima da fasquia dos 20 euros por metro quadrado por mês.

A Merlin é a maior sociedade imobiliária cotada em Espanha, com a admissão à cotação em Lisboa, como apresentou a Vida Imobiliária. João Cristina foi ainda recentemente entrevistado na “Rúbrica Conversas Diárias”, que pode rever.

A politica de investimento tem privilegiado o nosso país, com importantes investimentos nos vários segmentos de mercado, quer em Centros Comericiai com o Almada Fórum, em plataformas logísticas ou em emblemáticos edifícios de escritórios, como a Torre Zen, Marquês do Pombal 3 ou Edifício Art’s. Pode conhecer todas as transações AQUI.