China interessada em investir em Malanje

Ana Tavares |
China interessada em investir em Malanje

Os investimentos deverão ser feitos ao abrigo dos acordos de cooperação bilateral Angola/China, segundo explicou o embaixador da China em Angola, Cui Aimin, citado pela Angop e pela Macauhub. Segundo o responsável, Malanje apresenta boas condições para o desenvolvimento de projectos nestes sectores, bem como nas áreas da agro-pecuária ou aquícola, e o Governo chinês «vai continuar a apoiar o Estado angolano na materialização de acções que visem o bem-estar da população e o desenvolvimento da região».

As verbas chinesas para o financiamento da construção de novas infra-estruturas sociais poderão vir a ser reforçados, ao abrigo da linha de crédito da China para Angola, um assunto que, segundo o embaixador, «está a ser estudado».