Construir casa nova fica 1,8% mais caro

Ana Tavares |
Construir casa nova fica 1,8% mais caro

 

Os números são de uma nova série do INE do Índice de Custos de Construção de Habitação Nova (ICCHN) com base 2015=100, substituindo a anterior base 2000=100.  O instituto explica que «a atual revisão insere-se na lógica de rebaseamento periódico dos indicadores de curto prazo, em linha com o Regulamento CE nº 1165/98, atualizado pelo Regulamento CE nº 1158/2005, do Parlamento Europeu e do Conselho, de 6 de julho». Contempla uma atualização do cabaz de materiais, utilização dos dados da Declaração Mensal de Remunerações da Segurança Social, atualização dos ponderadores e correção de sazonalidade dos dados da mão de obra.

A variação homóloga registada em outubro foi inferior em 0,1% à observada no mês anterior. Neste mês em análise, os preços dos materiais ficaram 1,3% mais caros face ao ano anterior, e 0,2% mais caros que em setembro.

Por seu turno, a mão de obra aumentou 2,6% em termos homólogos, menos 0,5% que no mês anterior.