Habitação

Matosinhos quer lançar programa de renda acessível

Ana Tavares |
Matosinhos quer lançar programa de renda acessível

Falando durante o webinar “Desafios da Habitação Pós-Pandemia”, organizado pela MatosinhosHabit em parceria com a CMM, a edil Luísa Salgueiro avançou a intenção da autarquia de comparticipar a adaptação de alojamento local e habitação privada para colocação no mercado de arrendamento acessível, respondendo às dificuldades existentes na habitação.

A autarca garantiu que «a habitação é uma prioridade em Matosinhos», e deu a conhecer várias medidas que estão a ser adotadas pela autarquia para minimizar o impacto da crise da pandemia. Anunciou que a CMM e a MatosinhosHabit estão a investir um total de 16 milhões de euros no parque habitacional do concelho.

Neste webinar participaram também Palmira Macedo, presidente da Assembleia Municipal de Matosinhos, a arquiteta Helena Roseta e Luís Lima, presidente da APEMIP.

Também as autarquias de Lisboa e do Porto já arrancaram com programas próprios de arrendamento acessível, nomeadamente com incentivo à colocação de fogos de alojamento local no mercado de arrendamento de longa duração, tendo as autarquias como intermediário entre proprietários e inquilinos.