Centros Comerciais

Covid-19 atrasa conclusão da venda do Madeira Shopping

Vanessa Sousa |
Covid-19 atrasa conclusão da venda do Madeira Shopping

Esta informação foi apurada pelo jornal El Economista junto de fontes de mercado e avançada esta segunda-feira. De acordo com a Autoridade da Concorrência, este é um dos 4 processos iniciados este ano que ainda se encontram em curso.

Será com esta operação que o grupo espanhol Mazabi – através a sua sociedade Atalaya La Tejita – deverá entrar no mercado português. O Madeira Shopping é um centro comercial que possui 100 lojas distribuídas pelos seus 26.600 metros quadrados de superfície, e ainda 1.060 lugares de estacionamento. A Sonae Sierra não só é proprietária do ativo juntamente com a Estevão Neves e a APG, como também é a responsável pela sua gestão.

Para Mazabi, esta operação faz parte da sua estratégia de expansão internacional que já a levou a investir em cidades europeias como Bruxelas, Londres e Amesterdão. Apesar do valor da transação não ter sido revelado, a incorporação deste shopping centre na carteira da gestora ajudá-la-á a atingir um outro objetivo por si colocado para o final deste ano: alcançar uma carteira de ativos avaliada em 2.000 milhões de euros. Este valor é 500 milhões superior ao estimado para a sua carteira atual.