Porto aprova municipalização da Porto Vivo SRU

Ana Tavares |
Porto aprova municipalização da Porto Vivo SRU

 

A transmissão destas ações será feita pelo preço simbólico de 1 euro, ao abrigo de um regime de exceção previsto na lei, que mereceu a abstenção da CDU.

Na reunião de câmara, o autarca Rui Moreira notou: «julgo que teremos as coisas de tal maneira bem preparadas que o TdC não colocará problemas. No fundo, estamos aqui a fazer um novo Acordo do Porto [nome dado a um pacote de medidas negociadas entre o autarca e o governo de Pedro Passos Coelho e que incluía a municipalização da SRU]», cita o DN.

O capital social da Porto Vivo é de 6 milhões de euros, «tendo o IHRU subscrito e realizado 3.600 ações e o município 2.400 ações», pode ler-se no documento da operação. «O IHRU pretende transmitir ao município do Porto as ações e este pretende adquiri-las, passando assim a deter 100% do capital social da Porto Vivo».