MDSR compra shopping Nova Arcada à CGD (atual.)

Ana Tavares |
MDSR compra shopping Nova Arcada à CGD (atual.)

No comunicado oficial não foi avançado o valor da transação mas, de acordo com as fontes ouvidas pelo Eco, o negócio terá sido fechado por cerca de 45 milhões de euros. 

Em comunicado de imprensa, Ran Shtarkman, CEO e co-fundador da MDSR, diz em comunicado de imprensa que «temos vindo a observar o mercado português há algum tempo, pois acreditamos que ainda está cheio de oportunidades. Com a aquisição da Nova Arcada, concluímos um de nossos objetivos de entrar no mercado com um ativo de primeira», que considera «um centro moderno, com grandes e reconhecidas lojas âncora e ainda com um imenso potencial de crescimento».

A Cushman & Wakefield atuou no negócio em representação da CGD. Carlos Vieira Neto, Associate da equipa de Capital Markets da consultora, comenta que «estamos muito satisfeitos pela entrada de novo capital no mercado imobiliário português, particularmente numa cidade em crescimento como a de Braga, onde a Cushman & Wakefield tem estado bastante ativa nos últimos anos. A Caixa Geral de Depósitos fez um extraordinário trabalho de gestão do centro posicionando-o como um novo destino de compras no Norte de Portugal, e estamos confiantes de que com a larga experiência da MDSR o Nova Arcada continuará a ter sucesso».

Por seu turno, Francisco Sottomayor, diretor do Negócio Imobiliário da CGD, destaca que «a Caixa recebeu o imóvel ainda durante a sua fase de construção, investiu para que este fosse concluído e contratou para a gestão o Sonae Sierra, o que permitiu a consolidação da valorização do ativo. Hoje, o Nova Arcada Shopping é um dos motores comerciais da região, não só em faturação, mas também em criação de postos de trabalho».

Já Cristina Santos, administradora responsável pela área de gestão da Sonae Sierra na Iberia, afirma que «é com muita satisfação que continuamos envolvidos num projeto que ajudámos a erguer e que é um verdadeiro caso de estudo de revitalização e reposicionamento de um ativo imobiliário. Este compromisso de longo prazo com a gestão de um projeto de tão grande dimensão comprova a confiança dos parceiros na qualidade dos nossos serviços e das nossas equipas».

Com 72.000 metros quadrados, o Nova Arcada recebe atualmente mais de 6 milhões de visitas ao ano, e tem uma taxa de ocupação de 95%. Só no último ano, registou um aumento do volume de vendas de cerca de 11% (excluindo a loja Ikea). Além desta insígnia, conta com um Continente, Hospital Trofa Saúde, H&M, um complexo de Cinemas da Cineplace e várias marcas do grupo Inditex.

 

 

Atualização às 16h17