Bellino e Ralph Lauren oferecem €100M pelo projeto do Pinheirinho

Ana Tavares |
Bellino e Ralph Lauren oferecem €100M pelo projeto do Pinheirinho

Uma destas propostas, no valor de 100 milhões de euros, terá sido subscrita por Ricardo Bellino, ex-sócio de Donald Trump no Brasil, e pela Ralph Lauren. A ideia é transformar esta zona, entre as praias da Comporta e da Galé, numa espécie de retiro de luxo com atividades ligadas ao golfe, cavalos e cultura.

Ricardo Bellino explica, citado pela Visão, que «não queremos criar uma espécie de Disneylândia Ralph Lauren, com produtos da marca por todo o lado, até porque o nosso público-alvo não iria gostar. O que desejamos é quebrar a sazonalidade da região com iniciativas ao longo de todo o ano, e aí a Ralph Lauren será importante para captar os torneios de golfe e de polo ou trazer exposições, por exemplo a da sua conhecida coleção de automóveis antigos».

Em declarações à Visão, o empresário confirma a sua proposta de compra da herdade, e afirma acreditar que será o vencedor do concurso, já que estima que a sua proposta está «30% acima do valor de mercado». Terá financiamento do BTG Pactual, banco de investimento brasileiro que pretende entrar em Portugal.

De recordar que a Herdade do Pinheirinho está a ser vendida pelo Novo Banco na sequência de um incumprimento do crédito por parte dos anteriores proprietários. O projeto previsto para esta zona prevê a construção de um hotel, moradias e um campo de golfe.

A região de Grândola continua a atrair o interesse dos investidores estrangeiros. Recentemente, também mudou de mãos o Costa Terra, um projeto antigo adquirido pela americana Discovery Land Company à Semapa, da família Queiroz Pereira. O novo hotel de charme de Christian Louboutin, também em Melides, é outro exemplo disso.