Semana da Reabilitação Urbana de Lisboa regista mais de 6.000 inscrições

Ana Tavares |
Semana da Reabilitação Urbana de Lisboa regista mais de 6.000 inscrições

A organização do evento registou este ano um número recorde de cerca de 6.000 inscrições nas cerca de 20 sessões temáticas, entre conferências, seminários ou workshops e ateliers para crianças, balanço semelhante à edição de 2018.

Participaram cerca de 120 oradores nesta agenda completa de eventos, cujo palco principal foi o Pátio da Galé, no Terreiro do Paço, mas também a Sala do Arquivo, na Câmara Municipal de Lisboa, ou o LNEC.

Este ano, a habitação e o arrendamento urbano foram alguns dos temas centrais da Semana da Reabilitação de Lisboa, além de um foco mais técnico no âmbito da Academia da Reabilitação. O acesso à habitação e o papel da reabilitação neste que é um problema atual das cidades portuguesas foi discutido na maioria das conferências desta agenda, que mostrou um enfoque cada vez maior na regeneração urbana da cidade como um todo, e não só na reabilitação de edifícios. 

A presença do poder público foi reforçada este ano no evento, com as participações da secretária de Estado da Habitação, Ana Pinho, no primeiro dia de conferências, bem como de Fernando Medina, presidente da Câmara Municipal de Lisboa, além de vários outros representantes camarários e parlamentares que aceitaram o desafio de participar na discussão ao longo da semana.

Em 2019, a Semana da Reabilitação Urbana de Lisboa teve o apoio da Câmara Municipal de Lisboa, da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e da Associação do Turismo de Lisboa, bem como das principais ordens profissionais, faculdades e associações do setor. Schmitt+Sohn, Secil, Ecociaf e Santander alinham nos patrocínios Platina. Na categoria Ouro incluem-se Reynaers, Oli, Hilti, Sanitana, Grupo SanJose, Caixiave, Morais Leitão, Victoria, CIN, Schneider Electric, Round Hill, CBRE, neoturis e Avenue. Nos patrocínios institucionais alinham a ALP, APPII, OET, IMPIC e LNEC. Os apoios institucionais cabem à Ordem dos Engenheiros, Ordem dos Arquitectos, CPCI, APRUPP, APFIPP, AHP, INVEST LISBOA e RICS. O Portal oficial é o Idealista e jornal oficial o Público Imobiliário.