Prémio Nacional de Reabilitação Urbana com recorde de 83 candidaturas este ano

Ana Tavares |
Prémio Nacional de Reabilitação Urbana com recorde de 83 candidaturas este ano

O número de candidaturas recebidas este ano supera em 38% os 60 projetos que concorreram no ano passado, e também a cobertura geográfica das obras a concurso aumentou substancialmente, mais 38%. 41% dos projetos na corrida ao galardão são de uso habitacional, 25% de uso comercial e serviços, 19% de equipamentos sociais e 15% de turismo.

Os vencedores do Prémio Nacional de Reabilitação Urbana serão conhecidos numa cerimónia de gala a realizar no próximo dia 29 de março, no antigo Museu dos Coches, em Belém, espaço cedido para o evento no âmbito do Alto Patrocínio do Governo de Portugal, concedido à iniciativa através da Direção Geral do Património Cultural, entidade tutelada pelo Ministério da Cultura.

Este ano, o júri do prémio será composto por João Duque, Nuno Valentim, João Pedro Falcão de Campos, Manuel Reis Campos e João Appleton. Além das categorias de Habitação, Comércio & Serviços, Impacto Social e Turismo, será também premiado o Melhor Projeto em Lisboa, cidade anfitriã do evento. Serão atribuídas Menções Honrosas para a Melhor Reabilitação Estrutural, Melhor Reabilitação Inferior a 1.000m², Melhor Intervenção de Restauro e Melhor Solução Eficiência Energética.

Este prémio é uma iniciativa integrante da agenda da IV Semana da Reabilitação Urbana de Lisboa, que acontece de 27 de março a 2 de abril no Cineteatro Capitólio, no Parque Mayer. Criado pela Vida Imobiliária e pela Promevi (tal como a Semana da Reabilitação Urbana), o Prémio Nacional de Reabilitação Urbana pretende distinguir anualmente os melhores projetos de reabilitação do país, e é já reconhecido como a distinção de maior prestígio na área da reabilitação do edificado e requalificação dos territórios, tendo recebido 280 candidatos desde a sua primeira edição em 2013.

A 5ª edição do Prémio Nacional de Reabilitação Urbana apresenta diversas novidades, incluindo o apoio institucional da SECIL à iniciativa, à qual a empresa se associa de forma alargada. A iniciativa conta também com os patrocínios platina da Schmitt+Sohn Elevadores, da CGD e da Aguirre Newman. Nos patrocínios ouro, renovam o apoio a Revigrés e a Sanitana, juntando-se à nova edição a SRS Advogados. O IMPIC, a CPCI, a Ordem dos Arquitectos, a União das Misericórdias Portuguesas, a APPII e a ALP renovam também o seu apoio institucional ao evento, que conta com o Idealista como portal oficial.