UIP arranca investimento de €200M em Gaia

Ana Tavares |
UIP arranca investimento de €200M em Gaia

O projeto desenvolve-se sobre a foz do rio Douro numa área de 25 hectares e 90.000 m² de construção, com a empreitada já em andamento.

A nova aposta passa por uma «forte componente residencial» para «primeira e segunda habitação», já em comercialização, além de um empreendimento hoteleiro gerido por uma marca internacional a anunciar, com “destination spa” Serenity Spa, e restauração a desenvolver ao longo d 5 a 7 anos.

Carlos Leal, diretor geral da UIP, comenta em comunicado que está convencido que «este é um dos projetos mais ambiciosos do grupo, estamos muito entusiasmados. Esta aquisição vem reforçar a solidez e crescimento da UIP, bem como a presença do grupo em Portugal, mais concretamente a norte do país, no Porto e em Vila Nova de Gaia. Este será um projeto diferenciador, com um forte impacto no atual panorama do turismo nacional», conclui.

Citado pelo Negócios, o responsável explica que a Quinta Marques Gomes «pertencia ao fundo Imogestão, em que o Novo Banco tinha uma das unidades de participação. Ainda analisámos se comprávamos uma participação nesse fundo, mas decidimos comprar tudo [o ativo imobiliário], a 100%».