Vila Galé investe 30 milhões em novos projetos

Susana Correia |
Vila Galé investe 30 milhões em novos projetos

A maior fatia, cerca de 25 milhões de euros, será alocada à construção de dois novos hotéis em Portugal (Sintra) e no Brasil, estando a restante verba destinado ao investimento em melhorias e renovações em unidades existentes.

Em 2016, os 27 hotéis do grupo alcançaram receitas de 170,5 milhões de euros. O mercado português, onde opera em 20 hotéis, gerou um volume de negócios de 93,6 milhões de euros, com as receitas a crescerem 15% em relação a 2015. Ao todo, contabilizaram-se cerca de 939.000 quartos ocupados nas unidades do grupo em Portugal, um aumento de 9% comparativamente a 2015, com os clientes portugueses a representar 30% dos quartos ocupados.

Contabilizando 508.000 quartos ocupados, um número em linha com o ano anterior, os sete hotéis Vila Galé no Brasil, somaram receitas totais de 261,4 milhões de reais (77 milhões de euros), em 2016, num crescimento anual de  6% face. Neste país, contabilizaram-se ao longo do ano passado 508 mil quartos ocupados, número idêntico ao registado no exercício anterior. Atualmente, a operação das unidades Vila Galé no Brasil – quatro resorts e três hotéis de cidade – pesa 45% no volume de negócios total do grupo. E 90% da ocupação mantém-se proveniente do mercado interno brasileiro.

Dando continuidade ao seu processo de expansão, este ano marcará o arranque das obras de duas novas unidades da marca, ambas com conclusão prevista para 2018. Em Portugal, já foram iniciadas as obras do Vila Galé Sintra, um investimento de 25 milhões de euros que inclui um hotel com 180 unidades de alojamento (quartos e apartamentos), área de convenções e um spa com diversas valências médicas. Do outro lado do Atlântico, no Brasil, é lançada a 31 de janeiro a primeira pedra do novo resort Vila Galé Touros, um investimento de cerca de 28 milhões de euros no Estado do Rio Grande do Norte, onde vai reforçar a oferta turística com 500 novos quartos, com conclusão prevista para 2018.

Entretanto, seguem em velocidade de cruzeiro as obras do novo Vila Galé Porto Ribeira, em pleno histórico do Porto e junto ao Douro, e que irá reforçar a oferta hoteleira da cidade com 67 novos quartos. Este quatro estrelas de charme representa um investimento na ordem dos sete milhões de euros, e deverá ficar concluído entre o final deste ano e o início de 2018.

Mas os planos de expansão no mercado nacional não se ficam por aqui, e confirmados o grupo tem já três novos projetos em pipeline. São estes os hotéis previstos para Braga, Elvas e a Serra da Estrela, ainda em fase de licenciamento.

No que respeita à qualificação da oferta existe, este ano o orçamento alocado para obras de renovação em Portugal é na ordem os cinco a seis milhões de euros, tendo já em curso várias intervenções de norte a sul do país, nomeadamente no Vila Galé Albacora (Tavira), Vila Galé Cascais, Vila Galé Douro, Collection Palácio dos Acos ou o Vila Galé Opera, entre outras.