MS Hotels & Resorts vence concessão do Mosteiro de Arouca

Ana Tavares |
MS Hotels & Resorts vence concessão do Mosteiro de Arouca

 

O grupo vai recuperar este edifício do século XII e transformá-lo numa unidade hoteleira de 4 estrelas com vocação de turismo e lazer, com 60 a 70 quartos, com spa, piscina interior e exterior, restaurante e campo de padel. Os eventos serão uma das grandes apostas deste hotel.

A informação foi dada por Pedro Mesquita, diretor do grupo, à Publituris Hotelaria, que não revelou o montante da concessão de 50 anos, mas avançou que as obras de recuperação vão custar um mínimo de 3,5 milhões de euros.

A proposta do grupo MS foi a única apresentada a concurso. Pedro Mesquita considera que «não há oferta hoteleira expressiva nas áreas circundantes do concelho. Vamos ter a maior ponte pedonal do mundo, temos o Arouca Geopark e uma gastronomia ímpar. Há imensas vantagens em Arouca».

As obras deverão arrancar no início de 2020, a concluir dentro de dois a três anos.

A mesma fonte recorda que o MS Hotels & Resorts adquiriu em fevereiro passado a sua primeira unidade no Porto, e tem em carteira outros 4 projetos em execução, nomeadamente em Aveiro, Braga, Évora e Lisboa, num montante de cerca de 25 milhões de euros.