Impacto económico da Airbnb atinge os €2.000M

Ana Tavares |
Impacto económico da Airbnb atinge os €2.000M

Os números foram divulgados pela empresa esta semana, e baseiam-se na análise de um inquérito feito junto de viajantes e anfitriões, associado à análise de dados internos. O impacto económico direto estimado resulta da soma das receitas obtidas pelos anfitriões e o gasto estimado dos hóspedes.

Portugal foi o 10º país com o maior impacto económico na lista de 30 países, liderada pelos EUA, França e Espanha. 60% dos anfitriões portugueses afirmaram que partilhar a sua casa lhes permitiu viver nesses imóveis. Já os hóspedes afirmam que 41% da sua despesa é feita no bairro onde ficam alojados, e que usar esta plataforma permitiu alargar a sua estadia em cerca de 5,1 dias, em média.

Para 85% dos hóspedes, o facto de os imóveis na Airbnb terem localizações mais convenientes que a dos hotéis teve peso na sua escolha. 69% escolheram o alojamento em função do bairro/zona da cidade que pretendiam explorar.