Broadway Malyan renova hotel Quinta das Lágrimas

Ana Tavares |
Broadway Malyan renova hotel Quinta das Lágrimas

O estúdio foi escolhido para este projeto depois de vencer concurso lançado pelo proprietário desta unidade de 4 estrelas, tendo estado responsável pelo projeto de renovação interior da unidade hoteleira, nomeadamente dos quartos, lobby, zonas de circulação/corredores ou áreas de bar e restaurante.

Margarida Caldeira, diretora da Broadway Malyan em Portugal, explica que o principal driver para o conceito do design de interiores deste projeto foi o desejo de «criar um hotel contemporâneo ao mesmo tempo que se preservava a sua riqueza histórica», pois  a Quinta das Lágrimas «é um edifício com relevância histórica em Portugal e por isso era muito importante que a renovação honrasse o passado e simultaneamente permitisse uma intervenção de linhas contemporâneas, satisfazendo as aspirações do proprietário em criar um hotel de luxo que proporcione também uma experiência cultural aos seus hóspedes».

A responsável comenta ainda em comunicado de imprensa que «em linha com a lenda de D. Pedro, utilizámos elementos fortes de cor azul, o tom da realeza em Portugal, e introduzimos mobília estilo clássico moderno como complemento à riqueza das obras de arte, espalhadas pelo hotel». E conclui: «o hotel situa-se no seio de um fantástico jardim com inúmeras árvores antigas de grande porte, um fator que nos inspirou a utilizar uma carpete azul com um padrão forte sobre grande parte do chão de madeira polido. O padrão simula precisamente as sombras das folhas destas árvores e traz a magia do jardim para dentro do hotel, sendo este revestimento um elemento chave no nosso conceito de design».