Subida do preço das casas está a abrandar

Fernanda Cerqueira |
Subida do preço das casas está a abrandar

De acordo com os mais recentes resultados do inquérito mensal de confiança Portuguese Housing Market Survey, desenvolvido pela Confidencial Imobiliário e pelo RICS, «não obstante a falta de oferta continuar a exercer alguma pressão sobre os preços, estes começam a evidenciar sinais de estabilização».

«O mercado de habitação parece estar a perder dinâmica», comenta Simon Rubinsohn, Chief Economist do RICS. Na perspetiva do economista, esta perda de dinâmica sugere a influência de fatores tais como a capacidade financeira de acesso à habitação e a falta de oferta.

Ricardo Guimarães, diretor da Confidencial Imobiliário, nota que «quase todos os comentários dos inquiridos confirmam que os investidores estão mais cautelosos, procurando as melhores oportunidades, conscientes dos riscos da sobrevalorização. Os vendedores estão também a rever as suas expetativas em baixa, e alguns já estão a baixar os preços pedidos pelos seus imóveis». O especialista acrescenta que «alguns operadores consideram que o volume de novas casas em construção irá também colocar alguma pressão sobre os preços, especialmente no mercado de revendas».