Licenciamento de nova habitação cresce 38,3%

Ana Tavares |
Licenciamento de nova habitação cresce 38,3%

 

Segundo a Síntese Estatística da Habitação, publicada pela AICCOPN, neste período as câmaras municipais emitiram 8.620 licenças de construção nova e reabilitação de edifícios habitacionais, mais 22,6% que no período homólogo.

Na Área Metropolitana de Lisboa o número de novos fogos licenciados aumentou 26%. 70,8% são de tipologia T3 ou superior, 23,6% de tipologia T2 e 5,6% de tipologias inferiores.

O valor médio de avaliação bancária na habitação atingiu os 1.187 euros /m² em julho, mais 6,3% em termos homólogos. A subida foi de 6,7% nos apartamentos para 1.275 euros e de 5,6% para os 1.102 euros no caso das moradias. Em Lisboa, os valores atingiram os 1.468 euros, mais 7,9% que no período homólogo.

Já o novo crédito concedido pela banca para compra de casa subiu 26,4% nos primeiros 7 meses do ano para 5.690 milhões de euros. O stock de crédito concedido às empresas do setor da construção e imobiliário caiu 4,9% face a igual período de 2017.