Ocupação de escritórios cresce 272% em agosto

Ana Tavares |
Ocupação de escritórios cresce 272% em agosto

 

Este desempenho fica 51% abaixo do volume recorde ocupado em julho, de 27.576 m², mas impulsionou o crescimento acumulado do mercado em 2018 para 40% (127.845 m²), mostra o Office Flashpoint da JLL.

Em agosto foram realizados 16 negócios, com uma área média por transação de 841 m², em linha com o ano passado. No acumulado do ano, já foram colocadas 149 empresas no mercado de escritórios de Lisboa. A JLL foi responsável pela colocação de 23% desta área.

Mariana Rosa, diretora de Office Agency & Corporate Solutions da JLL, nota que «a procura de escritórios está de tal forma dinâmica que, mesmo com as restrições impostas pela escassez de espaço, o mercado está a mostrar uma atividade robusta, com a recuperação de edifícios a dar uma importante resposta a esta procura e as empresas a procurarem alternativas às localizações empresariais mais consolidadas. Quer isso dizer que, se não tivéssemos falta de produto adequado às especificações da procura, a ocupação de escritórios podia estar bastante acima dos níveis atuais».