Fundo Keyhaven coloca portfólio de escritórios no mercado

Ana Tavares |
Fundo Keyhaven coloca portfólio de escritórios no mercado

Este conjunto, denominado de Chess, inclui a sede da Jerónimo Martins (que a empresa deverá continuar a ocupar), no Campo Grande, com cerca de 10.000 m² distribuídos por 17 pisos acima do solo, além de outros 5 subterrâneos.

O portfólio inclui também um edifício com 3.180 m² em Alfragide, atualmente ocupado pela Biomet e pela SKF, além de outro imóvel na zona industrial de Carnaxide com 1.660 m² atualmente sem inquilinos. No Tagus Park incluem-se outros dois edifícios com um total de 6.500 m², ocupados pela Galileu e pela Edison e, por fim, um edifício de 3.545 m² localizado na Beloura, também atualmente desocupado.

De acordo com a notícia avançada pelo Eco, que se baseia em fontes próximas da operação, este negócio poderá ser concluído já no início de 2020. No prospeto de venda que cita, pode ler-se que será dada preferência a interessados na totalidade do portfólio.