Cinema Quarteto transforma-se em edifício de escritórios

Ana Tavares |
Cinema Quarteto transforma-se em edifício de escritórios

O edifício situa-se na rua Flores de Lima e teve o cinema a funcionar durante mais de 30 anos, até 2007. Em 2015, foi comprado pela Eternoriente, que já teve autorização da CML para avançar com as obras em outubro do ano passado. A empreitada deverá ser concluída no final deste ano.

Segundo o Corvo, aqui vai surgir um centro de negócios que ocupará 3 pisos, depois de o edifício ter estado devoluto durante cerca de 10 anos, fechado na altura por falta de condições de segurança. Segundo o Público, a Câmara confirmou à Lusa que as obras preveem «a recuperação do edifício reconvertendo-o num espaço de escritórios», e que a «afetação do edifício a uso a natureza diferente da atividade cinematográfica» foi autorizada pela secretaria de Estado da Cultura.

O edifício chegou a ser comprado em 2013 pela Igreja Plenitude de Cristo, que nunca chegou a usar o imóvel.