Vencedores do Prémio Nacional da Reabilitação Urbana anunciados a 9 de maio

Fernanda Cerqueira |
Vencedores do Prémio Nacional da Reabilitação Urbana anunciados a 9 de maio

 

Premiar o mérito e a excelência de algumas das melhores obras de reabilitação urbana é o desafio do júri do Prémio Nacional de Reabilitação Urbana, composto pelos arquitetos João Carlos Santos e João Santa-Rita, pelo economista João Duque, pelo engenheiro João Appleton e pelo engenheiro e líder associativo Manuel Reis Campos. Os vencedores serão anunciados já no próximo dia 9 de maio, numa cerimónia que, este ano, decorre pela, primeira vez, em Braga.

A iniciativa voltou a registar um número recorde de candidatos, de norte a sul do país, distribuídos pelas áreas de habitação, escritórios, equipamentos sociais e culturais, hotéis e espaços públicos.

Em pouco mais de uma semana serão conhecidos os vencedores da edição de 2018 do Prémio Nacional de Reabilitação Urbana nas categorias residencial, turismo, impacto social e comercial & serviços. Serão entregues também os prémios melhor intervenção de restauro, reabilitação estrutural, eficiência energética e, ainda, melhor intervenção de reabilitação urbana cidade de Lisboa e cidade do Porto.

A cerimónia, conduzida pela apresentadora Barbara Guimarães, decorrerá na Colunata Hotéis Bom Jesus, um edifício histórico e com uma localização privilegiada, em Braga.

O Prémio Nacional de Reabilitação Urbana conta com o Alto Patrocínio do Governo de Portugal, concedido através da Direção Regional de Cultura do Norte, entidade tutelada pelo Ministério da Cultura. Esta é uma iniciativa à qual a SECIL se volta a associar de forma muito ampla e que reúne um vasto apoio do setor empresarial, institucional e da sociedade civil. Conta também com os apoios da Schmitt+Sohn Elevadores, da Savills Aguirre Newman e do banco Santander, bem como da Revigres, Sanitana, SRS Advogados e da Victoria Seguros.