Universidade do Porto afeta €45M à reabilitação de várias faculdades

Fernanda Cerqueira |
Universidade do Porto afeta €45M à reabilitação de várias faculdades

As palavras são do reitor da Universidade do Porto, Sebastião Feyo de Azevedo, que discursava durante a cerimónia de celebração dos 106 anos da instituição.

Para 2018 está já programado um investimento na ordem dos 14 milhões de euros, sendo que o remanescente alavancará as obras a realizar nos anos seguintes. Os principais investimentos serão feitos na reabilitação da Faculdade de Economia, do Centro Desportivo da Universidade do Porto, das instalações da Faculdade de Belas Artes, incluindo a aquisição de um terreno, e na realização das «novas instalações da Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto». A par das obras nas faculdades será reabilitado o Palacete Burmester e o Edifício Histórico da Universidade, designadamente a Sala do Conselho e o Salão Nobre.

Este programa de reabilitação resulta «de um acordo exemplar» feito com os diretores das faculdades, sublinhou Sebastião Feyo de Azevedo, acrescentando que em causa está uma «política sustentada de preservação do património».