Turismo de compras cresceu 41% em Portugal

Ana Tavares |
Turismo de compras cresceu 41% em Portugal

 

Segundo a gestora de operações tax free (reembolso de IVA a turistas), os turistas angolanos continuam a ser o grupo que mais compra em Portugal, seguidos pelos chineses, que é o mercado que mais tem crescido, um aumento de 49% no período acumulado até setembro, numa compra média de 641 euros. Renato Lira Leite, Managing Director da Global Blue, explica que «parte deste crescimento deve-se aos voos diretos que desde julho ligam Portugal e a China», cita o Publituris.

Por outro lado, o Brasil foi o mercado que mais cresceu em volume de compras, num aumento de 71% face ao período homólogo, e contrariando a quebra do ano anterior. O valor médio por compra do turista brasileiro foi de 223 euros.

Em quarto lugar, surgem os turistas americanos, cujas compras cresceram 47% face ao mesmo período do ano passado, com um valor médio de compra de 505 euros, explicado com «o crescente número de ligações aéreas diretas com os EUA, assim como às taxas de câmbio favoráveis e que constituem, a par do incentivo fiscal que é o tax free, um importante estímulo às compras em Portugal», explica o mesmo responsável. 

Os moçambicanos encerram o top 5 dos que mais compram em Portugal, com 23% das compras e um valor médio de 200 euros por compra efetuada.

A Global Blue destaca a boa performance do turismo de compras no Porto, onde cresceu 45% face a igual período do ano passado, com o valor de compra médio a subir para 217 euros. No centro, as compras cresceram 34% para uma média de 211 euros, mas Lisboa continua a ser a região com maior valor de compra média, de 318 euros, e 85% do volume total de vendas tax free. Eventos como a visita do Papa a Fátima ou o Web Summit tiveram forte influência nestes números.