Retorno dos fundos portugueses atinge os 4,5% em junho

Ana Tavares |
Retorno dos fundos portugueses atinge os 4,5% em junho

 

Este retorno total anual compara com as rendibilidades anuais de 2,1% e 4,1% alcançadas em junho de 2017 e março de 2018, respetivamente, e confirma a recuperação dos fundos imobiliários nacionais, representando o seu melhor desempenho desde dezembro e 2007.

O Índice APFIPP/ IPD® de Fundos de Investimento Imobiliário Portugueses integra 11 fundos abertos e 28 fundos fechados (incluindo 4 FIIAH), com um valor total de ativos sob gestão de 5.400 milhões de euros no final do 2º trimestre de 2018.