Novos máximos na atividade da reabilitação no arranque do ano

Ana Tavares |
Novos máximos na atividade da reabilitação no arranque do ano

 

O relatório mostra que também a carteira de encomendas registou um aumento expressivo neste período de tempo, de 50% face a igual período de 2017.

Por outro lado, a produção contratada em meses, ou seja, o tempo assegurado de laboração a um ritmo normal de produção fixou-se em 9,2 meses, um novo máximo histórico da série que se iniciou em junho de 2013, mais 47,7% face ao observado no mesmo mês do ano anterior.