Novo Banco vende portfólio de 11 edifícios para avançar novo projeto das Amoreiras

Ana Tavares |
Novo Banco vende portfólio de 11 edifícios para avançar novo projeto das Amoreiras

 

O portfólio inclui o prédio do Grupo Espírito Santo situado na esquina da Avenida da Liberdade com a Rua Barata Salgueiro, onde funciona a sede do Novo Banco. A Lone Star planeia a mudança desta sede para o novo bloco de imóveis a construir nas Amoreiras. Incluem-se ainda prédios na Andrade Corvo ou no Tagus Park.

A propriedade de 130.000 m² pertenceu ao Exército, e passou para as mãos do Novo Banco em 2014, depois da execução da promotora imobiliária de Vasco Pereira Coutinho, o Fundo Temple, que investiu com crédito do BES, explica o Público. A ideia de mudar a sede para esta zona tinha, aliás, já sido anunciada por Ricardo Salgado, ainda antes da queda do banco.

Segundo o Novo Banco, este tema «está ainda em estudo, há várias hipóteses em cima da mesa». Mas fontes ouvidas pelo Público garantem que o negócio está fechado, e que esta operação imobiliária visa reduzir em 30% os custos por sinergias e obter ganhos anuais de 8 a 10 milhões de euros.

A operação está a ser conduzida pela Hudson Advisors, do grupo Lone Star. Este terreno foi, aliás, dos primeiros a ser entregues à empresa para ser gerido e rentabilizado. Os valores não foram divulgados, mas o negócio é estimado em centenas de milhões de euros.

Recorda o mesmo jornal que o Novo Banco passou para a Lone Star em novembro passado por 1.000 milhões de euros, o que aumentou o capital da instituição alvo de resolução. Desde há quatro anos que o Estado já injetou 8.000 milhões de euros no antigo BES/Novo Banco, e assumiu outros 3.900 milhões de euros no acordo com o grupo americano.